"Beleza, cultura, esporte, lazer, moda, negócios, e muito mais..."
Revista Destaque News
Instagram da Revista Destaque

4ª Caminhada Azul quer conscientiza sobre o autismo em Presidente Prudente
O objetivo será de informar a população sobre o autismo

Publicado em 27/03/2018
compartilhe esta notícia:

4ª

  Com o objetivo de informar a população sobre o autismo, será realizado dia (2) de abril às 8h no Parque do Povo, a 4ª Caminhada Azul em prol da Conscientização do Autismo. Além da caminhada haverá palestras que serão realizadas durante a semana no salão nobre da Toledo.

  Promovida pela Lumen Et Fides, instituição de Presidente Prudente que existe desde 1987 e que  oferece atendimento especializado de educação e saúde para pacientes com os aspectos de disfunção neuromotoras, doenças neuromusculares e transtornos do espectro do autismo em Presidente Prudente e região.

 Segundo a diretora pedagógica da Lumen, Perlla Cristina Roel de Oliveira, a caminhada terá seu percurso da área da pista de skate na Avenida Quatorze de Setembro, próximo ao cruzamento com a Avenida da Saudade, até a TV Fronteira. “O objetivo da caminhada é levar informação sobre o autismo e orientar as famílias. Infelizmente, ainda há muito preconceito com relação ao Autismo”, explica Oliveira.

 

Serviço:

O TEA é uma condição geral para um grupo de desordens complexas do desenvolvimento do cérebro, antes, durante ou logo após o nascimento. Esses distúrbios se caracterizam pela dificuldade na comunicação social e comportamentos repetitivos.

O TEA pode ser associado com deficiência intelectual, dificuldades de coordenação motora e de atenção e, às vezes, as pessoas com autismo têm problemas de saúde física, tais como sono e distúrbios gastrointestinais e podem apresentar outras condições como síndrome de deficit de atenção e hiperatividade, dislexia ou dispraxia. Na adolescência podem desenvolver ansiedade e depressão.

Algumas pessoas com TEA podem ter dificuldades de aprendizagem em diversos estágios da vida, desde estudar na escola, até aprender atividades da vida diária, como, por exemplo, tomar banho ou preparar a própria refeição. Algumas poderão levar uma vida relativamente “normal”, enquanto outras poderão precisar de apoio especializado ao longo de toda a vida.

O autismo é uma condição permanente, a criança nasce com autismo e torna-se um adulto com autismo.

 

Fonte: http://autismo.institutopensi.org.br

 


Fonte: Assessoria de Imprensa Luciana Nelli

<< voltar