"Beleza, cultura, esporte, lazer, moda, negócios, e muito mais..."
Revista Destaque News
Instagram da Revista Destaque

Sabesp irá instalar seis usinas solares na região de Presidente Prudente

Publicado em 09/06/2020
compartilhe esta matéria:

Sabesp

 Em todo o Estado de São Paulo serão 34 usinas solares fotovoltaicas em áreas da Companhia


A Sabesp identificou a oportunidade de promover o aproveitamento energético disponível em suas instalações de maneira inovadora, limpa e renovável com a instalação de usinas solares fotovoltaicas. Na região de Presidente Prudente, serão seis usinas, sendo que duas delas já estão licitadas: a de Presidente Prudente e a de Paraguaçu Paulista. Seguem em processo licitatório as estruturas de Euclides da Cunha Paulista, Adamantina, Mirante do Paranapanema e Assis. Com exceção de Adamantina, em que a usina será instalada na área de um poço de captação de água, as demais serão construídas em estações de tratamento de esgoto.

A energia proveniente das usinas solares será utilizada nos próprios processos de tratamento de água e de esgoto. Para se ter ideia da quantidade de energia gerada, as seis usinas da região seriam suficientes para abastecer 12 mil residências (aproximadamente 40 mil pessoas) mensalmente.

Em todo o Estado de São Paulo, serão 34 usinas solares, com capacidade para geração de 67 Megawatts de potência, o que corresponde a 4,5% da energia que é utilizada na Sabesp ou ao consumo de 65.200 residências.

Os equipamentos são produtores de energia de fonte limpa e sustentável de eletricidade, sem emissão de gases de efeito estufa e com baixo impacto ambiental, contribuindo para ampliação da produção de energia renovável e diversificação da matriz energética da Sabesp.

A expectativa é iniciar a produção de energia já no segundo semestre de 2020.

A Estação de Tratamento de Esgoto de Mogi Mirim foi a primeira instalação de saneamento no país a adotar a produção de energia solar em parceria com a Sabesp e a SESAMM (Serviços de Saneamento de Mogi Mirim).


Fonte: Assessoria de Imprensa da Sabesp - Priscila Franco

<< voltar