"Beleza, cultura, esporte, lazer, moda, negócios, e muito mais..."
Revista Destaque News
Instagram da Revista Destaque

Enepe abre com reflexão sobre professor do século XXI

Publicado em 22/10/2019
compartilhe esta matéria:

Enepe

 Dr. Mozart Neves Ramos, do Instituto Ayrton Senna, esteve na Unoeste na noite dessa segunda-feira (21) para falar sobre este novo profissional da educação

 

Com o objetivo de discutir as transformações 4.0, seus desafios e oportunidades, teve início na noite do dia  21/10 o 24º Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão (Enepe) da Unoeste. O evento, que contou com palestra ministrada pelo diretor de articulação e inovação do Instituto Ayrton Senna, Dr. Mozart Neves Ramos, teve a presença também de diversos professores, coordenadores, alunos, pesquisadores e autoridades administrativas da universidade.

De acordo com o Dr. Mozart, que falou aos presentes no Salão do Limoeiro, no campus II, sobre “Formação de professores para o século XXI”, o professor da nova era precisa ser engajado, alguém que procura cada vez mais ter qualidades humanas, desenvolvê-las e principalmente formar seus alunos não só para que eles sejam bons profissionais, mas sim boas pessoas. “O professor do século XXI não é só aquele que domina as tecnologias, o que é importante também, afinal, o mundo e os jovens são digitais. Porém, em primeiro lugar, antes de tudo, o que faz um enorme diferencial na vida das pessoas é exatamente o valor humano que prepara os alunos não só para o futuro, mas para já, pois eu penso que o futuro é agora”, fala.

O professor salienta ainda que os pais não deveriam terceirizar a educação de seus filhos e o próprio Artigo 205 da Constituição Federal coloca isso com muita clareza. “O papel de educação não deve ser apenas do estado e da escola. Os pais têm sim esse papel importantíssimo no futuro dessas pessoas. É fundamental que os pais não terceirizem a educação dos seus filhos, mas que eles procurem de alguma maneira promover essa educação dentro de casa. Eles precisam trazer para si também a responsabilidade do papel de educadores, dar valores e estimular seus filhos a seguirem a educação como um bem que fará o diferencial na vida deles”, diz.

Sobre o evento, que é multidisciplinar e reúne estudantes, professores e profissionais para o debate do conhecimento nos aspectos relativos ao ensino, à pesquisa e à extensão, Dr. Mozart revela que é extremamente importante não somente para a instituição, mas principalmente para os participantes, já que é um momento de integração dos três segmentos trabalhados pela universidade. “Trocar informações, conhecimentos e cooperar um com outro faz parte da formação. Às vezes no dia a dia da instituição não temos tempo de discutir com o colega, trocar ideias, ver o que o outro está fazendo. Então, quando trazemos não só especialistas, mas também promovemos o que está sendo feito no âmbito do ensino, da pesquisa e da extensão dentro da universidade, aumentamos o intercâmbio e a colaboração para esses participantes”, acredita.

Para o pró-reitor Acadêmico da Unoeste, Dr. José Eduardo Creste, que compôs a mesa principal de abertura ao lado do palestrante da noite e do pró-reitor de Pesquisa, Pós-graduação e Extensão, Dr. Adilson Eduardo Guelfi, o Enepe 2019 está com uma programação diferenciada e todos os envolvidos, seja organização, ou participantes, devem desfrutar desse encontro. “Nós somos educadores, somos uma peça de mudança no mundo, somos agentes da educação! Portanto, precisamos entender esse novo professor do século XXI e é isso que viemos ouvir do Dr. Mozart esta noite. Devemos quebrar paradigmas e enxergarmos como faremos parte da construção de uma região, nação e um mundo muito melhores”, salienta.

De acordo com o Dr. Adilson, o tema escolhido pela organização este ano está extremamente pertinente ao cenário em que estamos vivendo na educação. “A transformação vai exigir tecnologia no mercado e nos serviços. Já sabíamos deste futuro no médio e longo prazo para nós, docentes. Porém, devemos olhar internamente para nós mesmos com o intuito de mudanças, com o intuito de mudar algumas atitudes e pensamentos para que possamos estar inseridos nessa transformação 4.0 alinhados a essas novas necessidades. É uma missão dupla, devemos nos reinventar enquanto professores para que possamos passar isso para o nosso aluno, para que ele possa ser inserido no mercado preparado e atuando com esse novo comportamento. É com esse espírito que agradeço a presença de todos e desejo um grande evento, que todos aproveitem ao máximo esses dias de muito aprendizado”, finaliza.

Programação

O Enepe segue até a próxima quinta-feira (24) com atividades distribuídas nos três períodos do dia. Mais informações sobre o evento e a programação completa, na página do evento, no site da Unoeste.

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa Unoeste - Foto: Erika Fogli

<< voltar